13 de abr de 2011

O TEXTO ABAIXO FOI ESCRITO SOB PERSPECTIVA ESTRITAMENTE BÍBLICA,
PARA O PÚBLICO QUE TEM NA BÍBLIA SUA REGRA DE FÉ E VIDA.

QUAISQUER OUTRAS OBRAS OU CITAÇÕES SERÃO APENAS CONSIDERADAS COMO "OBJETO A SER ANALISADO".
SE FOI EDIFICADO, COMPARTILHE!
EM QUAISQUER OUTRAS CONDIÇÕES: LEIA OBSERVAÇÕES NOS COMENTÁRIOS.
robbers
“Aquele que não conhece a verdade é simplesmente um ignorante, mas aquele que a conhece e diz que é mentira, este é um criminoso”
Bertold Brecht
"Mas agora vos escrevi que não vos associeis com aquele que, dizendo-se irmão, for devasso, ou avarento, ou idólatra, ou maldizente, ou beberrão, ou roubador; com o tal nem ainda comais." (1 Coríntios 5:11)
   Essa semana uma leitora, mesmo admitindo que “não leu meus argumentos”, me perguntou: “afinal, me diz uma pessoa conhecida publicamente que você acredita seguir a Bíblia corretamente… ou não há?”.
   Como estava na rua, fiz uma rápida lista e enviei pelo celular: Paulo Romeiro, Mary Schultze, Mário Persona, Júlio Severo… acho que o Paul Washer, mas como não assisti nem meia dúzia de seus vídeos por falta de tempo, preferi deixá-lo de lado.
   Não satisfeita, ela foi mais objetiva em sua questão: “Você deve estar na rua. Gostaria que depois me dissesse, de forma mais detalhada, sua opinião sobre o Marco Feliciano. Aguardo!”
   Refleti bastante sobre o assunto e decidi transformar a resposta em postagem:
   Querida irmã,
   Há duas coisas incontestáveis: a Palavra de Deus e os fatos.
   Sobre os fatos, uma vez que tenham sido praticados, nem mesmo o perdão poderá extinguir suas consequências: um tiro disparado, sexo sem camisinha…
   Porém há um tipo de fato ainda pior que esses: os fatos registrados! Aqueles que são propagados em forma de livro, filme… qualquer coisa que possa ser vendida e venha a proporcionar lucros a seu autor.
   Lembra da ilustração do muro? Pois bem, sendo Deus 100% verdade, podemos afirmar que, do muro para lá, tudo o mais pertence a satanás que, não por acaso, é chamado de pai da mentira.
   Se existe uma “indústria gospel” que vende deturpação e heresia, é porque existe um povo estúpido, sedento por misticismo e pronto para gastar dinheiro com lixo sob a alegação (ridícula) de que “esta obra vai abençoar a sua vida”… abençoados seriam se fizessem o mínimo esforço para ler e compreender a Bíblia por si próprios! Talvez se fizessem isso, fossem capazes de encontrar umas recomendações neotestamentárias bastante úteis. Veja essa aqui:
   “Ao homem herege, depois de uma e outra admoestação, evita-o, Sabendo que esse tal está pervertido, e peca, estando já em si mesmo condenado." (Tito 3:10-11)
   Antes dela tem também 1 Coríntios 5:11 (citado na abertura da postagem).
   Sabendo disso, me responda: não são “maldizentes” aqueles que deturpam a integridade da sã doutrina? Não são “roubadores” os que lucram ao fazer isso?!
   Não importa o quão benignas sejam suas intenções e nem o número de gente que esses “ministérios” possam reunir ao seu redor: se há mentira e, pior ainda, deturpação do conteúdo bíblico… não tem valor para Deus!
   Então, dessa categoria encontramos a maior parte das “estrelas” gospel cuja aparência foi bem descrita pelo apóstolo Paulo:
   “…traidores, atrevidos, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus, tendo aparência de piedade, mas negando-lhe o poder. Afasta-te também desses.” (2 Timóteo 3:4-5)
   Aqui não posso deixar de registrar uma importante observação: é óbvio que absolutamente todos nós somos passíveis de erro, mas é nesse ponto que se revela ainda mais a personalidade do verdadeiro cristão - sendo exortado com base na Palavra de Deus, cabe apenas o reconhecimento do erro, o arrependimento e, quando possível, a busca da reparação pelos danos causados.
   Acho curiosíssimo, particularmente, o “método Zaqueu” de restituição: para cada livro ou CD “gospel” onde forem comprovadas as heresias, seu autor deveria devolver seu valor multiplicado por quatro! Sem dúvida esse seria um grande incentivo para que esses lobos pensassem bastante antes de vender suas manipulações espúrias!
   Mas na vida real não é bem esse o comportamento desses “líderes”: fincam o pé em seu erros, defendendo suas imagens públicas (ego, vaidade…) e, principalmente, seus lucros! Ao invés de retirar o material reconhecidamente maléfico do mercado, continuam vendendo sempre com novas e maiores tiragens, mesmo já tendo sido amplamente exortados!
   Eu, que não sou ninguém, já identifiquei tamanhas discrepâncias que divulguei análises (próprias ou traduções) sobre obras apresentadas por: Diante do Trono, Ana Mendez, Rick Warren, Rebecca Brown, Valdemiro Santiago, Regis Danese… quase todos mais de uma vez e cada uma delas pior que a outra!
   Então, nesse meio, o Marco Feliciano não escapa, mas havia uma pessoa se passando por servo sincero de Deus que era especialista em revelar os absurdos que ele cometia. Creio eu que ainda deva haver muita coisa disponível pela internet, mas, nesse caso, quem não resistiu aos apelos da popularidade foi o exortador: me contaram que, pouco tempo após ter revelado que nunca passou de um sórdido mentiroso e manipulador, gravou um vídeo com seu ex-alvo preferido e disse até que compraria um carro usado dele… ou seja, a porca voltou a revolver no lamaçal!
   Para encerrar a questão evangélica: a Bíblia não manda ficar acobertando os malfeitores, antes devemos identificar seus erros, exortá-los e, não havendo resultados, nos apartar de qualquer um que pratique o mal, ainda mais se este quiser se passar por cristão!
   Se toda essa massa evangélica brasileira passasse a agir dessa forma, até seria possível o vislumbre de uma nova reforma, mas como a maior parte dos evangélicos no Brasil (e talvez no mundo) não passa de um bando de analfabíblicos, mortos-vivos e avestruzes, todos manipulados e fazendo parte da crescente legião de energúmenos… isso só mostra a inexorabilidade das profecias bíblicas sobre a apostasia crescente no tempo do fim.
   Mas há um diferencial entre Marco Feliciano e os outros astros gospel: ele conseguiu ir ainda mais fundo que os outros e se tornou deputado federal!
   Se, como cristão, suas mensagens já eram lixo, seu papel como político está sendo ainda mais vergonhoso e, nesse setor, não se fazem necessárias minhas análises: se ele um dia recebeu o chamado para ser pastor, então porque preferiu ser político? Ou é vaidade, ou é ganância… ou nunca foi verdadeiramente vocacionado e se aproveita da estapafúrdia credibilidade desse povo e, em nome de um deus (que não é o Senhor Deus!), manipula essa massa para conseguir o que quiser.
   Não há necessidade de arma: basta uma Bíblia convenientemente mal lida e porcamente interpretada para se “fazer um ganho” mole mole!
   Qualquer um que deturpe a Palavra de Deus está errado.
   Aquele que, após a exortação, não se arrepende e se conserta… é maldito (por ter alterado a Palavra).
   Aquele que tem consciência dos erros que prega e ainda assim insiste em manter os lucros através da venda de mentiras… esse, sem dúvida, serve ao diabo ou, como disse Bertold Brecht, um criminoso!
   Concluo citando uma passagem que serve também para nós, gentios:
   “O meu povo está sendo destruído, porque lhe falta o conhecimento. Porquanto rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei, para que não sejas sacerdote diante de mim; visto que te esqueceste da lei do teu Deus, também eu me esquecerei de teus filhos.” (Oseias 4:6)
LINK CURTO PARA ESTA POSTAGEM
http://bit.ly/criminosos

Related Posts with Thumbnails