23 de ago de 2010

O TEXTO ABAIXO FOI ESCRITO SOB PERSPECTIVA ESTRITAMENTE BÍBLICA,
PARA O PÚBLICO QUE TEM NA BÍBLIA SUA REGRA DE FÉ E VIDA.

QUAISQUER OUTRAS OBRAS OU CITAÇÕES SERÃO APENAS CONSIDERADAS COMO "OBJETO A SER ANALISADO".
SE FOI EDIFICADO, COMPARTILHE!
EM QUAISQUER OUTRAS CONDIÇÕES: LEIA OBSERVAÇÕES NOS COMENTÁRIOS.
merreca   O que passo a relatar agora me foi contado, ao vivo, por um humilde, porém revoltado, montador de móveis que teve a oportunidade de estar em minha casa exatamente em um dia de manifestação de meus “agradáveis” vizinhos.
   Crente é tudo terrível! Minha mãe é crente, meus irmãos… mas eu não consigo mais acreditar nesse negócio de igreja! Por conta de igreja, um dia em que estava quebrado de tão cansado, já tive que andar mais de duas horas para chegar em casa!
   Estava passando um período bem difícil em todas as áreas e pensei que visitar uma igreja ia ser bom. Terminei meu trabalho e resolvi entrar na Universal do Reino de Deus para orar e pedir ajuda a Deus…
   Sentei no meio do povo e reparei que do meu lado tinha uma velhinha bem humilde… eu já sou pobre, mas ela parecia estar ali até para pedir alguma ajuda. Notei que ela tinha dificuldade até para se movimentar: não sei se por causa da idade ou de alguma doença, mas aquilo me deixou impressionado com tanta fé. Sem nunca ter visto, comecei a gostar muito daquela velhinha…
   Estava tudo indo normal até uma hora que o pastor começou a falar de como deve ser a vida financeira de um crente: ele foi dizendo que era necessário ter muita fé para que Deus cumprisse sua promessa e nos colocasse no verdadeiro lugar onde deveríamos estar, com tudo do bom e do melhor! Eu fiquei muito feliz, pois tenho fé em Deus sim!
   Conforme ele ia falando, eu imaginava a mudança na minha vida: meus filhos podendo se alimentar melhor, ter condições de estudar… até pensei em plano de saúde, mas me lembrei que até as doenças não iam mais me atingir! Fui ficando animado… até a hora que ele disse que ia fazer uma oração e pediu que cada um de nós pegasse no bolso qualquer quantia e segurasse, com muita fé, de mão fechada e para o alto.
   Eu estava só com as moedas da passagem naquele dia, que era só R$ 2,40… peguei uma moeda de um real e segurei firme na palma da mão. Levantei com a maior fé, mas ele não começou a orar porque tinha algumas pessoas falando algo que eu nem conseguia ouvir.
   Aí ele parece que entendeu e disse para aqueles que não tivessem dinheiro algum que olhassem para o irmão ao lado e, se esse tivesse, que emprestasse nem que fosse uma única moedinha para que a oração então pudesse ser feita.
   Quando olhei para o meu lado, a velhinha estava me olhando com uma cara de dar dó… meu coração gelou e derreteu ao mesmo tempo, pois eu queria muito poder ajudar aquela senhora e, ao mesmo tempo, só tinha menos do que o dinheiro da passagem dentro do bolso. Aí lembrei de Jesus Cristo e decidi emprestar a ela a primeira moeda que catasse no bolso… que, por ser a maior, foi logo a outra de um real.
   Ainda demorou um pouco, mas parece que todo mundo ali dentro arrumou seu dinheirinho para segurar enquanto ia ser feita a oração que ia mudar as nossas vidas financeiras… e, realmente, foi uma oração cheia de poder: o pastor chegou até a ameaçar Deus caso não cumprisse Suas promessas! Tive a certeza de que ia sair dali e minha vida ia realmente mudar… fiquei tão emocionado que não consegui nem segurar as lágrimas!
   Eu chorei um pouco, mas a velhinha do meu lado chorava igual criança… e gemia! Fiquei com mais pena ainda daquela vida e orei também para que Deus cuidasse dela.
   De repente, o pastor fez uma reviravolta na oração e disse que aquela era a hora de fazermos uma prova de verdadeira fé, que era o momento de entregarmos Isaque ao sacrifício confiando que o Senhor ia prover a solução. Não entendi direito porque não sei bem quem foi Isaque, mas fiquei lá ainda segurando a moeda com a mão para cima e esperando para ver no que ia dar. Então o pastor falou assim:
maocheia   “Esse é o momento! Agora é a hora em que os verdadeiros servos do Senhor vão demonstrar o tamanho de sua fé! É agora que as portas da dispensa de Deus vão se abrir para que sua vida nunca mais seja a mesma! Não olhem mais para o irmão que está ao seu lado! Pense em Deus! Pense na fidelidade d’Ele! Se Ele é fiel contigo, porque você não pode ser fiel com Ele? Agora é a hora onde vamos deixar de ser covardes! É agora nossa chance de sermos heróis na fé!!! Sem olhar para quem está do seu lado, venha aqui na frente e entregue este dinheiro que está na sua mão! Não precisa contar quanto é! Qualquer valor que seja! Traga agora e prove ao Senhor o quanto você é fiel, o quanto você O ama!”
   Levei um baita susto com aquela ordem e abri os olhos para procurar a velhinha e pedir minha moeda de volta, mas parece que o milagre já estava acontecendo na vida dela, pois ela já estava andando toda apressadinha na direção do pastor… era a primeira da fila! Nem mancando a safada estava mais! Pensei em gritar, mas fiquei com vergonha… iam dizer que não tenho fé… sei lá?!
   E aí foi assim… saí dali sem ter nem o dinheiro da passagem e tive que andar mais de dez quilômetros para chegar em casa quase onze horas da noite! Minha mulher estava uma arara e brigou comigo porque achou que eu estava bebendo… e nem tentei contar essa história de igreja porque com certeza não ia colar. Depois de andar igual um condenado, levei sabão da mulher e ainda tive que dormir no chão da sala! Maldita igreja!
   Essa é a verdadeira democratização, pois agora inventaram jeito de roubar até dos pobres!
   Se este é um exemplo do “reino de Deus”, certamente não carecemos de inferno…
   O Senhor Deus tenha piedade de nós!

Related Posts with Thumbnails