19 de mar de 2010

O TEXTO ABAIXO FOI ESCRITO SOB PERSPECTIVA ESTRITAMENTE BÍBLICA,
PARA O PÚBLICO QUE TEM NA BÍBLIA SUA REGRA DE FÉ E VIDA.

QUAISQUER OUTRAS OBRAS OU CITAÇÕES SERÃO APENAS CONSIDERADAS COMO "OBJETO A SER ANALISADO".
SE FOI EDIFICADO, COMPARTILHE!
EM QUAISQUER OUTRAS CONDIÇÕES: LEIA OBSERVAÇÕES NOS COMENTÁRIOS.
   Está difícil…
   Não sei se minha ausência está sendo notada, mas para não ter meu nome “sujo na praça” estou realizando “bicos” que não me permitem dedicar a mínima atenção a este ministério: acordo às 03:45h e só retorno por volta das 23:00h. Minha saúde foi abalada, mas ainda não é por causa disso que vou morrer… e, muito sinceramente, meus sentimentos variam entre a raiva e a frustração.
   Eis aqui uma postagem de cunho altamente subjetivo e possivelmente revelador da personalidade do homem que se oculta (muito mal) sob o “manto” de Teóphilo Noturno.
   Detratores… aproveitem!
   Meu corpo está exausto e minha mente não funciona com a fluidez necessária para concatenar as idéias… nem sei como ainda consigo raciocinar em inglês para atender e assessorar o público. A gripe e a rouquidão já não são mais tão fortes, mas as pouquíssimas horas de sono me deixam em um estado de torpor “zumbificado”… só mesmo o Senhor Deus para me guardar enquanto dirijo pelas madrugadas e pelas altas horas.
   Não estou ganhando mal (R$ 250,00/dia), mas não sei por quanto tempo vou suportar essa maratona de dezesseis horas diárias de trabalho… fora as três de deslocamento ida e volta. Aliás, só sei que isso vai durar até o dia 26… depois espero que volte tudo ao normal.
   Os e-mails e os comentários têm chegado regularmente, mas cadê o tempo para respondê-los?!?
   Nunca estive e não posso estar desatento ao lidar com almas que, de acordo com a resposta que receberem, podem vir a trilhar caminhos completamente diversos do que poderiam trilhar… prefiro ficar em silêncio do que correr o risco de escrever alguma palavra descuidada: me perdoem, mas (além da excepcionalidade de hoje) muitos ficarão sem respostas por um bom tempo.
   A Palavra de Deus diz:
   “Irmãos, se algum homem chegar a ser surpreendido nalguma ofensa, vós, que sois espirituais, encaminhai o tal com espírito de mansidão; olhando por ti mesmo, para que não sejas também tentado. Levai as cargas uns dos outros, e assim cumprireis a lei de Cristo. Porque, se alguém cuida ser alguma coisa, não sendo nada, engana-se a si mesmo. Mas prove cada um a sua própria obra, e terá glória só em si mesmo, e não noutro. Porque cada qual levará a sua própria carga. E o que é instruído na palavra reparta de todos os seus bens com aquele que o instrui. Não erreis: Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará. Porque o que semeia na sua carne, da carne ceifará a corrupção; mas o que semeia no Espírito, do Espírito ceifará a vida eterna. E não nos cansemos de fazer bem, porque a seu tempo ceifaremos, se não houvermos desfalecido. Então, enquanto temos tempo, façamos bem a todos, mas principalmente aos domésticos da fé.” (Gálatas 6:1-10)
   Ora, fico pensando nisso e a única certeza que tenho é a de que não sou ninguém: todas as afirmações que defendo nem são propriamente minhas! Isso me permite ter paz pela certeza de que busquei falar sempre com base bíblica, sem inventar… sem mentir!
   “Os presbíteros que governam bem sejam estimados por dignos de duplicada honra, principalmente os que trabalham na palavra e na doutrina; Porque diz a Escritura: Não ligarás a boca ao boi que debulha. E: Digno é o obreiro do seu salário.” (1 Timóteo 5:17-18)
   Porventura falo eu alguma coisa diferente da Palavra e da doutrina nela contida? (Se o faço, sempre aviso!)
   Talvez esse seja mais um sinal do final dos tempos: o desrespeito à Palavra de Deus… pois àqueles que trabalham completamente fora da Palavra de Deus estão sendo dignos de honra centuplicada!
   Parece que é tudo planejado para me fazer desistir, porque nessas horas de sofrimento fui me deparar com o Malafaia na televisão… e o Valdemiro também! Olho para os céus e me pergunto porque eles - que mentem, deturpam e levam almas ao engano e à perdição – estão vivendo em luxo e ostentação enquanto eu nem tenho mais coragem de falar que preciso de nada, pois aqueles que poderiam e, de acordo com a passagem acima, deveriam me auxiliar parecem não existir ou não se lembrar que quem escreve estas palavras. apesar de buscar a inspiração do Espírito Santo, ainda não é homem de carne e osso… e compromissos e dívidas.
   Talvez esse seja o motivo pelo qual muitos que se chamam “homens de deus” prefiram continuar dominando sobre seus subalternos com ameaças de maldição, obrigação dizimista, demônios devoradores!!! Se a Verdade lhes fosse escancarada… quantos permaneceriam financeiramente fiéis?
   A Verdade liberta, mas o ser humano definitivamente não sabe administrar sua própria liberdade… principalmente se isso significar pôr a mão no bolso.
   Postagem horrível, sem foto, sem humor… mas escrevo sobre o que está em meu coração, pois não quero um emprego (um outro após os vinte anos que dediquei ao governo brasileiro e pelos quais não estou recebendo a devida remuneração… e isso é um caso de justiça), mas quero, sim, apresentar ao mundo a Palavra que testifica em meu coração e minha mente, a Palavra que revela as notícias que ainda não foram publicadas nos jornais, a Palavra que nos liberta ao mesmo tempo em que nos ata à responsabilidade de amá-la, defendê-la, divulgá-la e até, se necessário, morrer por ela.
   É o paradoxo da salvação, pois quanto mais me submeto à vontade do Senhor, mais livre sou. Quanto mais me entrego a morte por amor ao Seu nome… mais vida eu terei!
   Agora tenho apenas três horas para poder dormir, mas pelo menos dei notícias.
   Perdão se corro o risco de não ter me feito compreender, mas julguei necessário dar notícias e explicar o motivo de minha ausência.
   Numa próxima oportunidade pretendo tirar o atraso dos comentários enviados neste período, assim como quero muito responder aos tantos e-mails que têm chegado.
   O Senhor Deus nos proteja e nos dê forças para continuar batalhando e, no meu caso específico, para não dormir ao volante e conseguir superar este período sacrificado.

Categories:
Related Posts with Thumbnails