31 de out de 2009

O Evangelho do Telhado de Vidro

O TEXTO ABAIXO FOI ESCRITO SOB PERSPECTIVA ESTRITAMENTE BÍBLICA,
PARA O PÚBLICO QUE TEM NA BÍBLIA SUA REGRA DE FÉ E VIDA.

QUAISQUER OUTRAS OBRAS OU CITAÇÕES SERÃO APENAS CONSIDERADAS COMO "OBJETO A SER ANALISADO".
SE FOI EDIFICADO, COMPARTILHE!
EM QUAISQUER OUTRAS CONDIÇÕES: LEIA OBSERVAÇÕES NOS COMENTÁRIOS.
226413
Os planos que fazemos nem sempre se cumprem nos prazos que estabelecemos e, apesar de podermos nos sentir desagradados com os atrasos, nunca podemos esquecer que em absolutamente tudo devemos dar graças ao Senhor Deus.
Uma oportunidade de trabalho free-lancer surgiu e passei de quinta-feira a sábado trabalhando de sete da manhã às dez da noite sem ter tempo para nada além de dormir, pois o local da atividade ficava a quase uma hora de distância de minha casa… ou seja, acabei adiando o término da faxina e, com isso, a data da mudança. Pelo menos vou extinguir algumas dívidas…
Nesses dias de muita atividade e nenhum tempo de escrever, acabei recebendo alguns comentários que prefiro responder com maior destaque dada a relevância de seu conteúdo. A primeira mensagem desta série veio de alguém que leu “Vi Um Papel Flutuando na Lagoinha…” e imagina estar me aconselhando, mas acaba revelando a apodrecida e humanista mentalidade vigente entre as lideranças eclesiásticas modernas e… bem… vejam por si próprios:
Bom dia querido irmão!
Por acaso eu estava lendo seus artigos e vejo a sua preocupação com as igrejas de Cristo hoje em dia.
Concordo com você de há muitos falsos profetas no nosso meio e é nossa função como discípulos de Cristo abrir os olhos das pessoas que tem sido levadas pelo engano.
Mas com todo amor que há em meu coração,e sabendo que sua intenção é boa, te peço que tenha cuidado ao criticar alguns ministérios, e antes que você me chame de idólatra ou de qualquer coisa, saiba que não estou criticando você e muito menos discordando, pois quem sou eu pra criticar ou discordar de alguém? já que tenho tanto pra aprender ainda.
Mas peço que você tenha cuidado pois você é homem como todos sobre quem você fala, e como homem você também está sujeito a errar, a falar além do que deve, a cair...E com o mesmo grau que você julga também será julgado.
Imagine só que aconteça de você cair em algum pecado escandaloso, e que todos critiquem você e todas as sua exortações caiam por terra, será muito ruim não é mesmo?
Então, pare um pouco de criticar o ministérios de outros que têm pregado Jesus como único Salvador, mesmo que eles estejam fazendo algo errado, eles prestarão contas a Deus e não a você, mas o que me preocupa mesmo são aqueles que encontraram Jesus através das músicas e testemunhos desses ministérios, que podem vir a ser desiludidos e até se afastarem do caminho (se forem novos convertidos, que ainda estão se firmando) por causa das suas palavras duras contra erros que porventura eles estejam cometendo.
Ore por eles, peça que Deus os mostre que estão errando, mas não diga que algo que eles estão fazendo pra Deus é de satanás, pq assim é vc que está dando a glória para ele.
Por favor, não pense que estou criticando vc, só estou te dando uma palavra em amor como irmã em Cristo, para que um dia vc não venha a ser julgado de maneira tão dura com você tem feito a esses irmãos.
Que o Senhor Deus te abençoe a cada dia, te dando sabedoria para que suas palavras sejam mais brandas.
Abraços.
Izabella Motta
Obs.:Faço parte de uma igreja que usa o método M12 (Renê Terra Nova) e te digo pra não acreditar em tudo que vc ouve ou lê...antes peça a Deus o discernimento.
Não posso deixar de admitir que foi um novo formato de convite para que me torne um “Avestruz Gospel”, mas apesar das palavras brandas e amorosas há um engano mortal sendo disfarçado no meio de tanta suavidade e não é de meu feitio perder a oportunidade de esclarecer esse tipo de coisas, principalmente porque essa mentalidade é perniciosa e vigente no meio evangélico atual: a filosofia do “telhado de vidro”!
Apesar de dizer que não está criticando e nem discordando, logo surge uma espécie de “ameaça velada” acerca de minha condição humana e as possibilidades de que venha a cometer erros.
Ora… se eu for pregar um evangelho atemorizado e restrito aos limites de meus próprios erros, de forma alguma estarei pregando o verdadeiro evangelho! Se, na intenção de me proteger de prováveis futuros ataques a meus possíveis futuros erros, for deixar de falar 100% da verdade… que porcaria de ministro eu seria?
Em primeiro lugar não posso deixar de mencionar que errar é humano, imagino que todos saibam muito bem disso e gostaria de mencionar apenas alguns terríveis erros de personagens bíblicos:
Abrão ofereceu a esposa, Sarai, ao faraó como se fosse sua irmã (vide Genesis 12).
Miriã (a preferida dos dançarinos) falou demais (e, principalmente, sem razão) contra Moisés e foi castigada com uma “leprinha” só para ficar “esperta” (vide Números 12).
Davi (outro adorado entre os dançadores), ficou tão doidão depois que viu Bate-Seba tomando banho que deu até um jeito de exterminar o marido dela no meio de uma guerra e, depois, foi “consolar” a viúva (vide 2 Samuel 11)!!
Pedro negou Cristo por três vezes (vide Mateus 26) e até Paulo tinha um tal “espinho na carne mensageiro de satanás” que o esbofeteava… e vá saber ao que ele se referia com isso em 2 Coríntios 12:7
O único perfeito dentre todos os que já viveram, vivem e viverão se chama Senhor Jesus Cristo… e é no nome d’Ele que tenho a autoridade para revelar, citar, exortar e repreender qualquer doutrina espúria que esteja levando irmãos a viver enganados e escravizados sob quaisquer aspectos de engano que venha a tomar conhecimento.
O “grau” usado nesse julgamento tem nome e se chama Bíblia, a Palavra de Deus e ai de mim se não estiver disposto a ser julgado diante de seus preceitos!
Note bem que não estou me referindo a lei judaica em momento algum, pois sou gentio, mas a grande questão é que meus textos não há exposição ou crítica de pecados pessoais, pois esse nunca seria o parâmetro de julgamento para nenhuma pessoa: não estou “amolecendo”, mas é o tipo de coisa onde deve haver conserto entre o indivíduo e o Senhor Deus. Vida pessoal de ninguém é ou deve vir a ser encarada como doutrina! (… só que o ser humano é tão estúpido que passa a idolatrar e seguir absolutamente tudo o que os “famosos” praticam e, justamente também para evitar tal tipo de complicação, eu prefiro manter meu pacífico e protetor anonimato!)
Ainda assim, no dia em que eu errar e for julgado sob tão terrível “grau”… quero ter a humildade para reconhecer e admitir meu erro e pedir perdão, pois isso é humano! De forma alguma quero chegar ao ponto de me considerar alguma espécie de “semi-deus” e orgulhosamente sustentar posições errôneas apenas para “não abalar minha imagem”: quem faz isso julga demais sobre si mesmo, mas não passa de lixo imprestável, apodrecido e (permanecendo no orgulho) irreciclável para o reino de Deus!
Faço questão absoluta de ressaltar agora que o grande problema das instituições eclesiásticas é justamente essa “divinização” de seus líderes! Se até o apóstata ganancioso que se auto-intitula “pastor-presidente” da igreS.A. mediana de onde um dia tive que sair se julga inerrante, quanto mais os megamilionários líderes gospel… esses vivem de “acordos de cavalheiros”, um ocultando a podridão do outro!
A possibilidade de prejuízo financeiro e moral é tão grande que o evangelho teve de se adequar às conveniências daqueles que fingem o estar pregando e pouco importa se as almas serão lançadas no inferno ou não (e serão!): o que importa é mostrar resultados visíveis e em meu segundo podcast já falei sobre esse assunto.
Em alguns momentos você dá a entender que é novata na fé, que precisa aprender muito ainda… pois digo que isso é uma verdade: seus olhos estão fechados e você está rumando para o precipício se continuar tão cheia de “boas intenções” e tão vazia da aplicação genuína da Palavra de Deus!
Os tais “novos convertidos” a que se refere muito provavelmente são “novos convencidos” pelos recursos psicológicos aplicados no meio gospel e nunca terão a oportunidade de encontrar o amor da Verdade bíblica para se salvarem: basta que sejam mantidos felizes e esperançosos com as tantas mentiras  e deturpações já existentes e em expansão: prefiro “afastar” mil perdidos para despertar um cristão genuíno do que colaborar na proliferação do joio, que é profética e inevitável.
Não estou criticando você, mas estou exortando-a severamente para que desperte dessa ilusão na qual está vivendo e compreenda que os dias estão sendo abreviados para que alguns poucos possam ter perspectiva de salvação: a opção de continuar crendo nas fábulas as quais se refere é toda sua e tenho plena convicção, com “grau” bíblico, de que o seu “paipóstolo” é mais um tessalonicenssicamente enviado por Deus!
Tento manter minha comunicação pessoal através de palavras brandas, mas a aplicação da Palavra de Deus não pode variar de acordo com o gosto do freguês, pois ela é uma só e suficiente em si própria. Graças ao Senhor Deus tenho um telhado de vidro que, se for mantido com base apenas nessa Palavra, é inquebrável. Tudo o mais, fora dela, é efêmero… isso se não está, desde já, completamente destruído e imprestável!
Leitura (mais do que) sugerida: O Macaco Que Quis Ser Escritor Satírico
Que o Senhor Deus te abençoe com discernimento para compreender que um verdadeiro ministro nem sempre fala o que quer, mas sempre fala o que é necessário.

8 comentários:

Postar um comentário

                              ATENÇÃO!

   Fico feliz por você estar desejando registrar um comentário, porém peço que (principalmente caso vá praticar qualquer tipo de retaliação), pense bem antes de fazê-lo:.

   1. A partir de 22/07/2011 restringi (no intuito de impedir mesmo) os comentários neste formato (arcaico e nativo do blogger), pois estão relacionados às postagens antigas: o assunto pode até ser atual e pertinente, mas definitivamente não está no centro das atenções do autor.

   2. Este formulário só aparece para permitir a leitura dos comentários anteriores... já leu para ver se sua dúvida não foi respondida? Tem certeza que sua pergunta é inédita e exclusiva? Se for, então pode me enviar um e-mail:
teophilonoturno@gmail.com

   3. Provavelmente o que você leu foi baseado na Bíblia ou em fatos, NÃO em opiniões pessoais (busque referências bíblicas!!!). Se você "caiu de pára-quedas" aqui não comece a metralhar sem conhecer o posicionamento do autor através de seus outros textos, pois comentários descabidos e sem fundamentação serão desconsiderados!

   4. Sem dúvida o texto não contém ofensas pessoais e muito menos palavras torpes (não escreva ofensas, palavrões, bobagens...).

   5. Muito provavelmente você vai encontrar sérias dificuldades para apagar seus comentários daqui caso algum dia venha a se arrepender de tê-los feito: meu trabalho é registrar fatos e, depois que você pressionar o botão enviar, suas próprias palavras poderão testemunhar contra você.

   Obrigado pela atenção.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts with Thumbnails