3 de fev de 2009

Ácido, mas Atento

O TEXTO ABAIXO FOI ESCRITO SOB PERSPECTIVA ESTRITAMENTE BÍBLICA,
PARA O PÚBLICO QUE TEM NA BÍBLIA SUA REGRA DE FÉ E VIDA.

QUAISQUER OUTRAS OBRAS OU CITAÇÕES SERÃO APENAS CONSIDERADAS COMO "OBJETO A SER ANALISADO".
SE FOI EDIFICADO, COMPARTILHE!
EM QUAISQUER OUTRAS CONDIÇÕES: LEIA OBSERVAÇÕES NOS COMENTÁRIOS.
   Amanheci ontem com um recado em meu orkut:
  Bom dia Irmão!
   Eu li o seu estudo sobre a Tatuagem, a relação com Templo de Deus e etc...
   Estava na duvida ainda se faria minha tatoo,
   E agora as duvidas terminaram, farei sim, pois não quero ser o "crente" que você cita no estudo, quero ser mais.
  "Com que me apresentarei ao Senhor, e me inclinarei diante do Deus altíssimo? Apresentar-me-ei diante dele com holocaustos, com bezerros de um ano? Agradar-se-á o Senhor de milhares de carneiros, ou de dez mil ribeiros de azeite? Darei o meu primogênito pela minha transgressão, o fruto do meu ventre pelo pecado da minha alma? Ele te declarou, ó homem, o que é bom; e que é o que o Senhor pede de ti, senão que pratiques a justiça, e ames a e andes humildemente com o teu Deus?" (Miquéas 6:6-8)
   Acostumado com manifestações de rebeldia semelhantes a essa, meu primeiro impulso foi ignorar e simplesmente apagar mais esse arroubo da juventude... mas decidi olhar melhor para o caso e, após alguma pesquisa e reflexão, respondi:
   Olhei sua foto, olhei seu perfil... fiz um printscreen para ficar em paz, pois você é uma pessoa bastante sábia!
   Seu sorriso confiante, sua bela namorada e agora, diante de tantas coisas importantes que podem ser feitas, sua importíssima decisão por uma tatuagem.
   Mais importante ainda é seu orgulho em vir me comunicar por sua decisão, mostrar que entende mesmo o que está falando me citando um tão pertinente e específico aos gentios! Tanto que vou citar até uma passagem do mesmo livro e capítulo:
   "Ó povo meu; que te tenho feito? E com que te enfadei? Testifica contra mim. Pois te fiz subir da terra do Egito, e da casa da servidão te remi; e enviei adiante de ti a Moisés, Arão e Miriã." (Miquéias 6:3-4)
   Parabéns jovem, seu comportamento é bíblico!! Timóteo 3:1-9 foi escrito para pessoas assim: especiais como você!
   Continue assim e, por favor, nem me chame de "crente" nem me mostre muito mais do sua capacidade de raciocínio bíblico!
   Seja MUITO Feliz!!
   Às vezes me surpreendo com minha própria capacidade de "bater assoprando", mas essa é uma técnica que fui aprimorando no decorrer dos anos. Não costumava ser assim: passava dias de angústia pensando nas palavras que me eram dirigidas, tentando achar algo que me edificasse... sofria muito!
   Mas fui vendo pela exaustiva repetição de estilos e, principalmente, pela carência de conteúdo, que 95% das mensagens nem mereceriam respostas... na verdade nem precisariam ter sido enviadas. Foram muitíssimos "espasmos" de fãs até que eu aprendesse a ficar tranquilo, mas se meu chamado era falar a Palavra, não ficaria bem simplesmente ignorar: por causa disso foi nascendo essa técnica de elogiar discordando completamente.
   Quando mando uma resposta como essa fico me questionando se as pessoas, principalmente os jovens, vão procurar as referências bíblicas ou simplesmente ignoram o que eu possa estar querendo dizer. Tenho a sincera esperança de que a Palavra possa abrir os olhos daqueles que estão cegos...
   Achei que ia ficar só nisso, mas uns dez minutos depois aparece uma resposta:
   Graça e Paz !
   Posso usar seu estudo na minha classe?
   Hein?! Esse rapaz deve estar tentando usar da minha própria técnica?! Se ele não compreendeu o cerne da questão, para que levar o estudo à EBD? Sem compreender ainda a mente desse jovem, mas não querendo ter meu pseudônimo provavelmente escrachado numa dessas igrejas de tatuados e extravagantes, decidi novamente responder:
  Por favor, não faça isso!!
   Você demonstrou entendimento bíblico o suficiente para poder escrever seu próprio estudo...
   Certamente não compreendeu meu objetivo e meu estudo seria objeto de escárnio para você.
   Seria melhor você demonstrar sua profundidade bíblica sem nem mencionar este "crente" que vos escreve...
   Só de curiosidade... qual sua igreja?
   Rapidamente obtive resposta:
   Presbiteriana. Mais estou começando a frequentar o CEI.
   Cara,é assim: eu estava gostando, até de mais sabe, eu realmente estava admirando a comparação entre a construção do templo , e etc.
   Você estava escrevendo como todo Pastor deveria, então começou a declarar - "É besteira, isso é errado. Aquilo é certo".
   Acho que a igreja hoje perdeu o foco , está invertendo as coisas, na revista da escola dominical(que muitas vezes abomino) nem dá para contar quantas vezes a palavra "obedecer" aparece, e o "AMOR", amor cara, amar a Deus, o maior dos Mandamentos.
   As pessoas, se esqueceram que se amar realmente a Deus nois vamos obedecer, não importa o jeito.
   E acho que foi nesse lado que eu comecei a olhar teu estudo de outra forma, no final parecia que queria provar que estava certo mesmo e é isso, quem não fizer tatoo é bom, quem tem é ruim.
   Acho que tem tantas outras coisas a serem mudadas na igreja, a começar pelo que sai dela, e não pelo que entra.
   Aí eu fui entender que o jovem está passando por um processo de secularização e definitivamente não era alguém completamente indócil... tudo bem que já fizeram um bolo doido na cabeça dele, pois não é capaz de diferenciar mais o amor bíblico do amor PP (pernicioso e permissivo) que se instaurou nas igrejas modernas...
   Sem sair do Antigo Testamento eu poderia acabar com essa pequena vontade de não obedecer que ele demonstra:
  "Porém Samuel disse: Tem porventura o SENHOR tanto prazer em holocaustos e sacrifícios, como em que se obedeça à palavra do SENHOR? Eis que o obedecer é melhor do que o sacrificar; e o atender melhor é do que a gordura de carneiros." (I Samuel 15 : 22)
   Mas fiquei em dúvida se ele compreenderia que quem ama, obedece... pois ele conseguiu interpretar exatamente o contrário: o amor justificaria a desobediência! Mas vendo que ele citou ser "presbiteriano", imaginei outra provável solução:
   Então você SÓ leu o estudo sobre as tatuagens... é isso? Não leu nada além disso no site...?
   Não conheço o CEI, o que significa essa sigla?
   Sinceramente não sei se devo sugerir que leia o texto onde falo sobre cronologia... pode ser confuso demais...
   Mas acho que se você é presbiteriano e apresentar essa nossa conversa a seu pastor... ele terá uma direção bem melhor para te oferecer do que eu através de recados do Orkut.
   Façamos um trato? Antes de fazer sua tatuagem: Copie nossa conversa desde sua primeira mensagem em um documento do Word, imprima e leve ao seu pastor PRESBITERIANO.
   Não sei qual é a igreja, não sei quem ele é... mas se for um pastor vocacionado por Deus vai compreender minha intenção.
   Depois que ele tiver conversado contigo, aí sim: tome suas decisões.
   Se ele pedir, leve o estudo sobre as tatuagens também!Combinado?
   Depois de tantas e tantas desilusões me reservo o direito de desconfiar totalmente das instituições (igrejas), mas nesse caso preferi acreditar e esperar que alguém da Igreja (corpo de Cristo) subsista intacto da sedução maçônica e possa auxiliar um jovem confuso antes que ele pratique um ato desnecessário.
   No final das contas acabei mandando o jovem para um gabinete pastoral, mas ainda assim me questiono muito se fiz o certo, pois se este pastor foi desatento com essa ovelha a ponto dele estar se deslumbrando com essa tal de CEI... sei lá como ele tem conduzido seu rebanho...
   Aí pensei que estivesse tudo acabado, mas só para constar, ele ainda registrou uma última manifestação:
  Bom, não seria melhor levar as passagens biblicas que você citou e algumas que eu sei.
   Afinal, nossas palavras são de homem...
   À qual respondi:
   A Bíblia está lá, escrita para ser utilizada sabiamente.
   Preferiria que apresentasse a conversa na íntegra, pois a sequência das mensagens apresenta a dinâmica do raciocínio e é um fiel relato de nossas intenções: vai permitir que seu pastor compreenda a questão que apontamos de forma mais clara!
   Ele até poderia saber as passagens, mas foi capaz de aplicar algo veterotestamentário, judaico e, mesmo falando de amor, relativo ainda a holocaustos e sacrifícios.
   A Bíblia é a arma mais poderosa do universo: uma passagem utilizada fora do contexto é mais letal que a bomba atômica, pois condena à morte eterna! Simplesmente citar passagens sem explicar sua aplicação dentro de um determinado contexto permite a deturpação da Palavra e é exatamente o que gente TESSALONICENSSICAMENTE enviada por Deus faz.
   Sinceramente gostaria que esse jovem fosse chamado à sã doutrina e principalmente à obediência da Palavra de Deus.
   E por falar em mensagens, a irmã Gláucia Carneiro me indicou uma série de três vídeos no Youtube que não são recomendáveis para quem confia nas instituições, mas que podem abrir os olhos de quem busca compreender o motivo da corrupção que acelera a apostasia nas igrejas.
   Como o áudio estava péssimo, resolvi fazer um trabalho de limpeza e, de quebra, compilei os três vídeos em apenas um: pastor Saad confronta a maçonaria. Após algum trabalho o áudio melhorou bastante: ficou apenas ruim!
   Assistam, avaliem e me digam suas opiniões. Caso desejem fazer download, é só clicar aqui.
   Que Deus nos proteja e abençoe!

1 comentários:

Postar um comentário

                              ATENÇÃO!

   Fico feliz por você estar desejando registrar um comentário, porém peço que (principalmente caso vá praticar qualquer tipo de retaliação), pense bem antes de fazê-lo:.

   1. A partir de 22/07/2011 restringi (no intuito de impedir mesmo) os comentários neste formato (arcaico e nativo do blogger), pois estão relacionados às postagens antigas: o assunto pode até ser atual e pertinente, mas definitivamente não está no centro das atenções do autor.

   2. Este formulário só aparece para permitir a leitura dos comentários anteriores... já leu para ver se sua dúvida não foi respondida? Tem certeza que sua pergunta é inédita e exclusiva? Se for, então pode me enviar um e-mail:
teophilonoturno@gmail.com

   3. Provavelmente o que você leu foi baseado na Bíblia ou em fatos, NÃO em opiniões pessoais (busque referências bíblicas!!!). Se você "caiu de pára-quedas" aqui não comece a metralhar sem conhecer o posicionamento do autor através de seus outros textos, pois comentários descabidos e sem fundamentação serão desconsiderados!

   4. Sem dúvida o texto não contém ofensas pessoais e muito menos palavras torpes (não escreva ofensas, palavrões, bobagens...).

   5. Muito provavelmente você vai encontrar sérias dificuldades para apagar seus comentários daqui caso algum dia venha a se arrepender de tê-los feito: meu trabalho é registrar fatos e, depois que você pressionar o botão enviar, suas próprias palavras poderão testemunhar contra você.

   Obrigado pela atenção.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts with Thumbnails