21 de dez de 2008

Para Bons Entendedores...

O TEXTO ABAIXO FOI ESCRITO SOB PERSPECTIVA ESTRITAMENTE BÍBLICA,
PARA O PÚBLICO QUE TEM NA BÍBLIA SUA REGRA DE FÉ E VIDA.

QUAISQUER OUTRAS OBRAS OU CITAÇÕES SERÃO APENAS CONSIDERADAS COMO "OBJETO A SER ANALISADO".
SE FOI EDIFICADO, COMPARTILHE!
EM QUAISQUER OUTRAS CONDIÇÕES: LEIA OBSERVAÇÕES NOS COMENTÁRIOS.
    ... que, aliás, não são muitos.
   Essa 1ª observação, sobre uma música "inédita" dos Beatles, é para quem sabe que o mundo artístico é dominado pelo "anjo de luz":

   A faixa experimental de 14 minutos, gravada pelos Beatles em 1967, ganhou um status quase mítico junto aos fãs por permanecer inédita até hoje.
   Falando sobre "Carnival of light", McCartney disse em novembro à "BBC":
   "Chegou a hora desta canção ter seu momento". "Eu pensei: 'não acho que você vá gostar'. As pessoas estão achando que é outra "Strawberry fields" (referindo-se ao clássico psicodélico de 1967 "Strawberry fields forever"). Quero dizer, eu gosto da música, mas não é para qualquer um".

   Sabendo que cada coisa tem seu tempo e que música tem profunda influência psíquica e hormonal por agir em áreas chave da mente humana e influenciar desapercebidamente (ou não) o comportamento, decidi fazer uma pesquisa um pouco mais profunda:

   O expert em Beatles Mark Lewisohn, que ouviu a música em 1987 quando fazia seu livro The Complete Beatles Recording Sessions, diz que a música incluía "bateria hipnótica, distorcida, sons de órgão, uma guitarra solo distorcida, o som de um órgão de igreja, vários efeitos (gargarejo com água seria um) e, talvez o mais intimidante de todos, John Lennon e Paul McCartney berrando como dementes e gritando frases aleatórias como 'Are you alright?' (Você está bem?) e 'Barcelona!' ".
   Barry Miles, o biógrafo oficial de McCartney, escreveu em Paul McCartney: Many Years from Now que a canção “não tinha ritmo, apesar de uma batida se estabelecer por alguns compassos pela percussão ou pelo piano que fazia a batida rítmica. Não há melodia, apesar de fragmentos de uma melodia ameaçarem a aparecer.”
   “Eu disse 'tudo que eu quero que vocês façam é apenas percorrer todos os instrumentos, bater, gritar, tocar, não precisa ter sentido nenhum' " falou McCartney em Novembro de 2008.

   Vocês acham que é tudo tão inocente quanto querem que pareça? Que tipo de mensagem há de estar contida numa música tão complexa que teve de ser oculta desde 1967 até a hora certa de ser revelada? Nem quero imaginar... mas não duvido que muito em breve veremos cantores gospel querendo "resgatar" o estilo!

   E por falar em cantores gospel, li no "Púlpito Cristão" que a Ana Paula Valadão está elogiando a Igreja Católica Apostólica Romana e houve até campanha para ela se converter ao catolicismo... que lindo! Que emocionante!
   Não seria surpresa para mim, que venho registrando a "evolução" desse "ministério": primeiro registrei seu flerte com o yoga e o baixo espiritismo, fato que me rendeu muitas mensagens iradas de fãs (idólatras), após passar dois anos "congelado" volto e descubro que ela está imitando leãozinho por mando de um espírito (que, comparando com as Escrituras, não é bem o Espírito Santo...) e agora, que lindo, se enamora da ICAR.
   Depois do que o Billy Graham fez, eu tenho poucas dúvidas de que o príncipe que virá é um estrategista excelente, pois infiltrou perfeitamente seus agentes onde deveríamos ter líderes.
   Os que conhecem a Palavra compreendam o que estou mostrando...

   Para terminar uma insólita propaganda da Motorola que pode mostrar a vocês um pouco de como tenho me sentido, de uns cinco anos para cá, durante o Natal:
   Aliás, meu sentimento não é irracional e pode ser plenamente explicado: eu já sabia de algumas dessas informações, mas o blog "Discernimento Cristão" compilou informações importantíssimas sobre tudo o que acontece no natal. Recomendo a leitura e a reflexão.

1 comentários:

Postar um comentário

                              ATENÇÃO!

   Fico feliz por você estar desejando registrar um comentário, porém peço que (principalmente caso vá praticar qualquer tipo de retaliação), pense bem antes de fazê-lo:.

   1. A partir de 22/07/2011 restringi (no intuito de impedir mesmo) os comentários neste formato (arcaico e nativo do blogger), pois estão relacionados às postagens antigas: o assunto pode até ser atual e pertinente, mas definitivamente não está no centro das atenções do autor.

   2. Este formulário só aparece para permitir a leitura dos comentários anteriores... já leu para ver se sua dúvida não foi respondida? Tem certeza que sua pergunta é inédita e exclusiva? Se for, então pode me enviar um e-mail:
teophilonoturno@gmail.com

   3. Provavelmente o que você leu foi baseado na Bíblia ou em fatos, NÃO em opiniões pessoais (busque referências bíblicas!!!). Se você "caiu de pára-quedas" aqui não comece a metralhar sem conhecer o posicionamento do autor através de seus outros textos, pois comentários descabidos e sem fundamentação serão desconsiderados!

   4. Sem dúvida o texto não contém ofensas pessoais e muito menos palavras torpes (não escreva ofensas, palavrões, bobagens...).

   5. Muito provavelmente você vai encontrar sérias dificuldades para apagar seus comentários daqui caso algum dia venha a se arrepender de tê-los feito: meu trabalho é registrar fatos e, depois que você pressionar o botão enviar, suas próprias palavras poderão testemunhar contra você.

   Obrigado pela atenção.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts with Thumbnails